Peixaria Zaida Silva
B176

Peixaria Zaida Silva

Banca: 176

Quando Zaida era ainda uma criança, os seus pais tinham uma mercearia e uma tasca no Mercado do Bolhão. Como, muitas vezes, existiam picardias entre os dois, a mãe foi trabalhar para o matadouro de frangos, que existia no mercado, e o pai permaneceu na mercearia. A pequena Zaida ia-se revezando na ajuda que prestava aos pais. Ora ajudava um, ora ajudava o outro, até que no seu 18º aniversário, Zaida ficou a tomar conta da mercearia/tasca, onde - segunda ela - viria a viver tempos muito felizes, a cozinhar e a servir petiscos aos que por lá apareciam. Anos mais tarde, os pais de Zaida decidem ajudar o seu irmão e, para isso, entregam-lhe o espaço do qual Zaida estava encarregue e a comerciante é ajudada pela mãe a abrir uma peixaria, que mantém até hoje. 

Zaida está há 59 anos no mercado e diz-nos que adora o que faz: seja a arranjar uns "filetinhos" ou a preparar uns "miminhos" para as suas clientes, Zaida fá-lo com brio e a sorrir ou não fosse ela "uma das filhas do Bolhão".